Ordenação Heráldica de Aguim

De acordo com a Lei 53/91 de 7 de Agosto, a Junta de Freguesia de Aguim solicitou a ordenação heráldica (brasão de armas, bandeira e selos) ao Sr. Presidente da Comissão de Heráldica da Associação de Arqueólogos Portugueses.

Na sequência de alguns estudos sobre a simbologia, apoiada em enxerto histórico com respectivos pareceres daquela Associação, e depois da aprovada na Junta de Freguesia em 4 de Dezembro de 1992 e na Assembleia de Freguesia em 29 de Dezembro de 1992 e em 21 de Janeiro de 1993, o parecer definitivo da ordenação heráldica do brasão, bandeira e selo branco da Freguesia de Aguim foi apresentado em 25 de Maio de 1993.

Em 13 de Agosto de 1993 solicitou-se ao Sr. Presidente da Administração da Imprensa Nacional – Casa da Moeda (Publicações Oficiais) a publicação em Diário da República, o que viria a acontecer na edição n.º 207, III série, de 3 de Setembro de 1993:

«Brasão – escudo de negro, águia nascente de ouro, acompanhada em chefe de dois cachos de uva de púrpura folhados de ouro. Coroa mural de três torres de prata. Listel branco com a legenda a negro: “Aguim”.

Bandeira – de púrpura. Cordão e borlas de ouro púrpura. Haste e lança de ouro.

Selo branco – circular, com as peças do escudo sem a indicação de cores e metais, tudo envolvido por dois círculos concêntricos. Onde corre a legenda: “Junta da Freguesia de Nossa Senhora do Ó de Aguim”

José Cerveira Lagoa, in Aqua Nativa n.º 6, Julho 1994

[Voltar ao índice]